segunda-feira, 11 de outubro de 2010

A boa Burocracia



Alguém aí tem ideia do conceito da Burocracia? Alguém já ouviu falar em Max Weber? O pai da burocracia. Ouvimos sempre falar, burocracia pra lá, burocracia pra cá... o que mais ouvimos é: não deu porque a burocracia é muito grande.
Mas alguém de fato sabe o que é burocracia?

Vamos lá... Para você, a burocracia é boa ou ruim?

Burocracia nada mais é do que o procedimento usado pelas empresas para manter a ordem e de certo modo ter organização. Para a administração, a burocracia é ótima! Isso mesmo, Ó T I M A! Estamos acostumados a vê-la de um modo ruim, mas ela faz parte da regras das empresas e de tudo que vivemos em nosso dia a dia. Isso mesmo! 
Um exemplo é quando você vai a uma loja para fazer um cadastramento e etc, aí quem lhe atende pede aquele mundo de documentos, xerox e muitas outras coisas e você diz: que saco!
Não vou descordar que certas coisas são desnecessárias, mas isso nada mais, nada menos é do que burocracia! Ela é essencial dentro de uma organização, para liberação de produtos, para arquivamentos de processos e para guardar dados de clientes.

Para mostrar que a burocracia não é ruim para a administração, vou citar um exemplo. Como é que uma empresa poderá por exemplo cobrar algo a um cliente, se ela não tiver os dados pessoais que lhe foram pedidos no ato do cadastramento?
O melhor exemplo de burocracia, é quando você vai abrir uma conta em um banco e eles te pedem um monte de coisas. Você passa por um sistema que analisa se você se enquadra dentro das leis e burocracia do mesmo. Igual a analise de crédito para fazer um empréstimo, existe toda uma burocracia para ver se você está apto para depois devolver o valor emprestado pelo servidor.
Não irei descordar que a burocracia em certos casos atrapalha o desenvolvimento das coisas e do país. Mas também não irei culpa-la por erros cometidos. A burocracia em si, não há erro nenhum. O problema está naqueles que a impregam, está na pessoa que não sabe fazer o uso dela.
O processo burocrático já é lento e o servidor já não ajuda para que o mesmo possa ser solucionado. Fica difícil né?!

Agora falando no contexto burocrático de nosso país, ouço muito dizer por aí, que a burocracia no Brasil  está um fracasso. Pois bem, a burocracia ela foi feita para nos ajudar, mas infelizmente o que tem nos faltado são pessoas para lidar com tudo isso. Não adianta por pessoas despreparadas para um cargo burocrático. É isso que a torna ainda mais lenta!
Um exemplo muito óbvio que a burocracia brasileira é falha, é citarmos  o poder público de nosso país.
Vemos a olho nu que, para liberação de um processo, levam-se anos para ser de fato consumado. Tudo isso porque as nossas leis contradizem muito com a burocracia. Burocracia e lei não andam lado a lado no Brasil, isso porque quem fez as leis de fato não a conhecia.

Verbas. Vocês já viram como é difícil uma verba ser liberada para uso? Como ela passa por processos, leis e analises? Isso é uma prova viva de que a nossa burocracia bate de frente com nossas leis. O que ocorre que enquanto o processo está em andamento, a população que sobre pela falta de verba para os setores públicos.
Imagine vocês, como seria as empresas, setores públicos e privados, se não existisse a burocracia?!
Seria um desastre total! Acredito que no mundo em que hoje vivemos, não dá mais para viver sem ela, pois já se tornou parte essencial no mundo dos negócios e etc. Mas vale ressaltar, que alguns atos burocráticos são evidentemente desnecessários, que a empresa os emprega sem ter necessidade, apenas para tornar algo mais dificultoso e inalcançável aos menos favorecidos.
Volto a sitar o caso dos bancos. Para abrir uma conta é tão burocrático, que você fica horas lá no setor de cadastramento, e no fim tem-se a notícia que cliente não se enquadrou nos métodos burocráticos do mesmo.

E para finalizar, eu torno a falar; burocracia é ótima!
Tente imaginar seus direitos sendo afirmados apenas por boca, sem ter os métodos burocráticos. De nada valeria...
Então pessoal, quando forem solicitar algum tipo de serviço, não faça cara feia para a burocracia, pois ela é garantia de que seus direitos e contratos não serão violados e que você poderá questiona-los a hora que quiser.
Aprenda que a burocracia foi feita para nos ajudar a nos mantermos organizados e de acordo com as leis sempre! Logo temos que aprender a olha-la com bons olhos. Pois apesar de não ser muito bem aplicada em nosso país, ela nos ajuda a mantermos uma sociedade coerente e de economia estável. Tente endende-la que verás o mundo empresarial com outros olhos.


Dessa vez, meu viva vai para a  BUROCRACIA! Sem ela o mundo estaria ainda mais um caos.


Mundinho bizarro e estranho esse nosso...

Beijos e até a próxima.



-
A garota do blog.

domingo, 10 de outubro de 2010

Artigo de Ana Paula Marinho e Anthony Mohammad



Tílulo: Descubra o que é política democrática.


Coisa mais bonita é essa época de eleições não é?! Todo mundo quer lutar pelo país, os candidatos fazem questão de andar pelo povo, dando beijo em crianças e apertando as mãos dos velhinhos. Lindo isso não é?! O engraçado é que na hora de pedir o nosso voto, eles vem até nós, nos prometendo um país melhor, coisas boas a acontecerem, a mesma conversa mole de sempre.


O chato é que sempre caímos nesse papo, entra presidente e sai presidente e tudo continua a mesma coisa, são promessas diferentes, outras iguais, mas sempre são PROMESSAS. O mais lindo de tudo, é ver o brilho seco no olhar de cada cidadão enganado pelas promessas hipócritas, sentindo orgulho, achando que são super importantes para as mudanças em nosso país, como se no dia primeiro de janeiro, fossemos nós que tomaríamos posse como presidente.

O maior problema de tudo, é que sabemos que nada mudará, que na verdade são todos iguais, mas sempre caímos nessa. Eles se aproveitam de nossa cede mudança, de nosso desejo de um país melhor e nos vem prometendo melhorias, soluções, crescimento e etc. Eles colocam a cara na TV, nas rádios para falar mal dos outros candidatos, fazerem promessas, apontar os defeitos do governo atual ou anterior, é uma coisa de louco na verdade. Ficamos só assistindo as coisas para ver como está fluindo, as brigas passam a ser pessoais, e nós os “importantes” ficamos a ver navios sem saber o que fazer.

Nunca elegemos o melhor, é sempre o “menos pior”, aquele que rouba menos e faz mais, entende? É engraçado ver as pessoas nas ruas dizendo que “fulano” irá fazer isso, fazer aquilo, mas no fundo no fundo, eles sabem que nada do que é prometido se concretizará. Ingenuidade nossa ou burrice mesmo?

O melhor de tudo, é que eles sempre vão a locais onde as pessoas são bem necessitadas, enchem o coração daquelas pessoas de esperanças, prometem “o mundo”, fazem existir um brilho no olhar daqueles que verdadeiramente precisam de apoio e melhorias em sua vida. Será que ninguém falou para eles que isso é feio? (rsrs)

Isso acontece sempre! Seja nas cidades pequenas e nas cidades grandes. As promessas sempre são as mesmas, as pessoas também, mas sempre acreditamos nas mesmas promessas, nas melhorias de coisas antigas.
Somos burros ou ingênuos?

Na realidade e uma falsa democracia que todos os brasileiros pensam estar participando no qual só ocorre aumento para o bolso alheio e nada para quem dorme no ponto.
Somos forjados como escravos que vão para a senzala , esta senzala que é a prisão do voto sem saber quem é de fato os candidatos, somos forjados com o título do eleitor que traz uma falsa moralidade democrática!

Se por acaso fosse democracia este atual sistema que vivemos, você não seria forçado em votar nos donos de fazendas, empresas e muito mais.
Estava a pouco tempo analisando o empecilho que alguns candidatos o fazem na locomoção dos portadores de alguma deficiência ou idosos, pois os mesmos colocam suas armações de propaganda via a passagens no qual um deficiente visual ou idoso esta sendo sujeito a sair da calçada para estar seguro da abertura de sinal. Como um político que traz insegurança para a travessia de pedestres ira ajudar a população? Não chegamos a falar muito menos nas leis a serem votadas neste senado, os bandidos e assassinos já conhecem muito mais de lei do que os doutores e senadores deste Brasil.

Vamos amarrados com as algemas da usurpação das promessas e falsidades votando em pessoas que jamais tivemos um contato apenas para não pagar uma misera multa eleitoral, isso demonstra como são mortos de fome os governos de sangue sugas!
Alguns governos criam alimentação para acomodados, não todos, mas quem se acomoda com resto de bolsa família não deseja evolução, e o povo se vende por troca de saco de farinha.

A comida não da educação, não da cultura, não enche a falta de conhecimento.
Não só de pão vive o homem, infelizmente alguns políticos e senadores usam palavras bíblicas para se apoiarem em sua cachorrada, tantos como “ EITA DEUS” “ Faça um ato profético e vote em min. Isso seja a ser jocoso um cidadão que pede um ato profético, o que ele acha que é? Um Profeta de DEUS? Creio que como o mestre disse “ De a Deus o que é de DEUS e de a Cesar o que é de Cesar” Finalizando esta historia da bíblia dos ladrões , mentirosos e falsários a BIBLIA DO POLITICO LADRÃO! Não chegam nem aos pés de Dimas que pelo menos ao final de sua vida conta se as narrativas se arrependeu!

E quando estes patológicos e mentirosos irão se arrepender?
Ficamos como João Batista gritando no Deserto e esperando quando seu grito ecoar “ Arrependei vos! Arrependei vos! Ainda a tempo de mudança...



Então pessoal só resta dizer a minha famosa frase: um viva a esse nosso mundinho moderno, bizarro e corrupto!




OBS: O artigo não foi escrito para ofender a ninguém, estamos aqui comentando sobre a situação de um modo geral, sem citar nomes e nem apoiar ninguém. Apenas com o intuíto de falar sobre o tema cenral que é a política corrupta. Lembre-se: LIBERDADE DE EXPRESSÃO!




-

Ana Paula Marinho & Anthony Mohammad.

sábado, 9 de outubro de 2010

Onda Rebolation


Hoje pela tarde uma musiquinha muito da impertinente invadiu minha mente, fiquei boa parte do dia cantando essa nova onda da Bahia. O interessante dessa música é que ela fica a maior parte cantando: O rebolation, o rebolation, o rebolation… e assim vai. Apesar de a letra ser um pouco insignificante, eu acho que ela tem uma boa batida, é bem dançante e envolvente.
Mas o que mais me chamou a atenção não foi a música em si, mas sim o poder que ela teve em percorrer os quatros canto do país e quiçá do mundo. Engraçado como o gosto musical das pessoas são ecléticos (inclusive o meu), pessoas que dançam forró, também dançam Rebolation, pessoas que dançam pagode, também dançam Rebolation.


Fico a imaginar o tempo que o compositor desta música levou para escreve-la, acho que o único trabalho que o mesmo teve foi compor algumas coisas para formar as estrofes, pois a boa parte da música persiste no: Rebolation é bom bom, rebolation é bom bom bom…
A música contagiou boa parte das pessoas, desde os pequenos até os maiores, todo mundo canta ou dança rebolation. É difícil encontrar pessoas na rua que não conhecem essa nova onda, se bem que Rebolation é mais do que o nome da música, é também um ritmo musical que na maioria das vezes são tocados em baladas ou em raves.


Mas o que eu quero dizer com isso tudo é que a onda rebolation pegou mesmo e pegou legal! Esses baianos hein?! São mesmo criativos em suas músicas, que são mais dançantes do que letra (isso não é uma crítica).
Agora cai entre nós… se tocar um Rabolation você vai ficar parado? Impossível! A música contagia mesmo e quem nunca ouviu eu indico ouvi-la, porque é muito legal a música.


É como eu sempre digo: Eis nosso mundinho moderno e a tendência é só piorar…
Mas existem algumas exceções é claro, pois já que o nosso mundinho moderno só vai piorar, nada melhor do que uma musiquinha de vez enquando para ajudar em engolir as coisas da nossa atualidade.



Viva o Rabolation…

Bruno: culpado ou inocente? Herói ou bandido?


Olá pessoa, faz um bom tempo que não posto nada aqui, mas estou de volta.
Vamos lá, quem não ouviu falar sobre o caso do ex goleiro do flamengo, o Bruno? Não se fala mais em outra coisa nos jornais, na TV, nos rádios, a não ser sobre esse crime bárbaro que chocou o país.

A polícia do Rio e de Belo Horizonte estão constantemente cima deste caso. Foi uma barbaridade o que fizeram com a moça, Eliza Samudio. Digam-se de passagem que o crime aconteceu porque a jovem estava correndo na justiça em busca do reconhecimento do filho, que supostamente era do ex goleiro. Quem foi que falou em pensão?! A justiça?! A mando de Bruno, seu amigo Macarrão (olha o nome da pessoa), sequestrou a jovem juntamente com a criança de apenas 4 meses. E brutalmente entregam a jovem nas mãos de um bicho que a matou e como se não bastasse, espedaçou o corpo e serviu de "refeição" para alguns cãezinhos.

Testemunhos afirmam que Bruno não presenciou o assassinato, como disse o adolescente de 17, o 'J", mas já o primo de Bruno, afirma que o goleiro presenciou o homicídio. Se o Bruno viu ou não o ocorrido, não se sabe, mas tudo foi planejado, executado e apoiado pelo ex goleiro.

Logo após de assistir a morte da jovem (ou não), o primo de Bruno pergunta ao goleiro sobre Eliza, relata-se que ao responder pela jovem, o ex goleiro do Flamengo chorou arrependido pelo que tinha deixado acontecer e que estaria preparado para o que iria começar.

Agora, digam-me caros leitores, não seria mais fácil perder uma pequena quantidade de dinheiro por mês, do que perder milhões? Do que perder a cerreira? Do que perder a liberdade? Oras meu caro Bruno, o assassino mais frio não é aquele que executa, mas sim aquele que fica ali olhando o sofrimento da pessoa sem querer fazer nada para impedir tal ato.

Mas ei, ei, ei, espere, não acabou! A polícia diz, que a mulher do jogador, também estar envolvida no crime. A esposa do goleiro fez questão de pegar o bebê e entregar a uma família no subúrbio de Belo Horizonte, o fim que aquela criança teria naquele lugar só Deus sabe.

E em pensar que quem seria brutalmente assassinado seria aquela pequena criança, mas o Bruno caro leitores, para mostrar que tem coração preferiu "poupar" a vida da criança, mas para acabar o problema acabou com a vida da mãe.

Bruno tinha necessidade de fazer isso? De estar preso sem nenhuma regalia? Como um pobre qualquer? Eu afirmo que não, o goleiro não tinha necessidade disso, o egoísmo cegou a mente deste jovem que tinha todo um futuro. Deixou se envolver por péssimas amizades (o que é característica de alguns jogadores do flamengo), por pessoas cheias de interesses pelos seus bens e acabou aonde está no momento. Agora serão amigos, amigos na cadeia!

Aonde estão os valores desse nosso mundinho moderno? Aonde estar o amor que nos foi pregado quando crianças? Será que a cede de ter sempre mais e mais está acabando com tudo isso? Bizarra essa modernidade, bizarro esse nosso mundo. Onde as pessoas matam friamente Um mundo onde o que predomina é o dinheiro, mundo onde o amor não vale de mais nada. Para dizer que não se vale, hoje em dia o amor é muito útil nas novelas, onde protagonizam grandes histórias de amor.

Mas na realidade, as coisas não vêm acontecendo assim. Aonde o mundo vai parar? Quando tudo isso irá cessar? Quantas pessoas inocentes terão que morrer para alguém fazer alguma coisa? Como este caso de pessoas frias, que não valem nem o ar que respiram. Isso poderia evidentemente ser evitado, se não fosse a cegueira da delegacia de mulher da Barra da Tijuca, que negou segurança à pobre Eliza.

Ato de barbaridade e crueldade, tiraram a vida de uma jovem. E depois ainda vem o tal dos direitos humanos, defender esses bandidos, mas espere, onde estava os direitos humanos quando a Eliza morreu? A vida dela não vale de nada? Não se pode cobrar severamente dos culpados por isso? Eles mataram a moça e ainda vem me dizer que são HUMANOS?

Foi como aconteceu em outros vários casos que chocaram o país, como o caso do Casal Richtofen, de Isabella Nardoni, de Eloá Pimentel e recentemente o da advogada Mércia Nakashima. Destes todos foram terríveis, mas o que mais me revoltou foi o da Eloá, onde os recursos humanos impediram da polícia especializada atirar contra o sequestrador, onde resultou a morte da jovem. Lembro também do caso que aconteceu no Rio de Janeiro, onde o bandido fez uma senhora refém e para poupar a vida da cidadã, os policiais decidiram por atirarem sem dó na cabeça do bandido. Pode até parecer triste, mas na lei do "olho por olho, dente por dente", prefiro que morra os bandidos, não os inocentes.

Agora, caro leitor, vale ressaltar que o Bruno e os comparsas estão presos, mas ninguém sabe até quando, porque bem sabemos que a justiça só é eficiente quando o sujeito é pobre. Mas diga-me, para você. O Bruno é inocente ou culpado? Eis a questão.



Viva ao nosso mundinho moderno, bizarro e VIOLENTO!



Dica: se você ainda não terminou o ensino médio, aconselho a terminar e fazer uma graduação. Pois até mesmo pra ter uma cela melhorzinha na cadeia, tem que ser formado em algo. Olha lá o Bruno, cheio de milhões na conta bancária, mas não tem graduação e vejam só, está numa sela como se fosse um preso comum. Eita falta de estudos! Pense nisso...

Beijos e até a próxima!

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Pulseirinhas do sexo - O que ser isso?


E agora estou aqui escrevendo não sei o que para o meu mais novo blog, até que está sendo legal, quer dizer, vai ser legal escrever aqui diariamente sobre minhas experiências, sejam elas frustradas ou não (hahahaha) e minha visão de um modo geral sobre as modinhas da atualidade, se bem que devo contar mais micos do que outra coisa ne?! Rsrsrs.

Bom chega de "blábláblá", vocês estão ligado nessa nova onda de "pulseirinhas do sexo"? Cara, me diz sinceramente... que porcaria é essa? Outro dia um primo de uma amiga simplesmente olhou para o menino e disse: - Você sabe qual é a cor da 'pulseirinha do sexo oral'?Olhei para a cara daquela criaturinha e fiquei HORRORIZADA!
Não sei qual é a finalidade de inventarem essa tal pulseirinha, pois ninguém sabe ao certo o que elas significam e o pior de tudo é como isso virou febre entre os adolescentes, por onde eu ando elas estão lá, no pulso dos jovenzinhos que estão saindo da escola.
O mais engraçado de tudo é que eles se sentem os grandes por estarem usando essa coisinha sem utilidade... fico imaginando o que os pais dessas crianças pensam a respeito disso. Uma onda que está contaminando a todos adolescentes e crianças, mas com o intuito de que? De ficar na atualidade sobre o sexo? Para dizer que é mais experiente no assunto do que os outros? Ou será que usam apenas para não ficar de fora dos papos entre amigos?

Sinceramente eu não sei o que passa na mente dessas crianças. Dias atrás eu vi uma menina no ponto de ônibus com o braço até o cutuvelo cheio dessas pulseirinhas, todas elas coloridinhas, fiquei a imaginar as coisas bizarras que cada uma delas devem significar.
Mas enfim... são coisas do nosso mundinho moderno, que surgem lá no sei aonde no quarto canto do planeta e é transmitido a nós no primeiro canto através da globalização, ás vezes nos surgem coisas boas, ruins e coisas esdrúxulas como esta.
É como eu sempre digo, "o nosso mundo muda e a tendência é ficar cada vez pior". Já inventaram o "anel da virgindade" e agora "pulseirinha do sexo", será que a próxima será "brinquinhos das posições"?

Estou até imaginando como seria essa bizarrice, mas enfim... é melhor deixar essa idéia pra lá, vai que a onda pega né?!



Então só resta a dizer, "viva as bizarrices do nosso mundinho moderno"!


Até a próxima...